Quais as coberturas do plano de saúde para internação

Quais as coberturas do plano de saúde para internação

Saiba o que o plano de saúde para internação tem a oferecer e suas regras de utilização. 

Garantir cuidados médicos quando se está doente é uma preocupação que as pessoas costumam ter, principalmente quando se fala de hospitais e internações.

O plano de saúde para internação garante o acesso aos cuidados realizados dentro do hospital, inclusive em casos graves como UTI e após passar por uma cirurgia. Entenda um pouco mais sobre o que esse serviço oferece.

Qual o plano de saúde para internação?

Os planos de saúde são categorizados conforme a sua segmentação assistencial, ou seja, pelos procedimentos que oferecem.

Quem faz essa divisão é a ANS e permite que haja a segmentação ambulatorial que oferece consultas e exames. A segmentação hospitalar é a que disponibiliza o plano de saúde para internação e pode ser contratada desse forma ou combinado com a ambulatorial.

Isso quer dizer que o plano de saúde para internação precisa ter a segmentação hospitalar para garantir que o paciente seja internado pela operadora de saúde.

Por quanto tempo posso ficar internado?

Antes de mais nada é necessário entender que o plano de saúde possui um período de carência, durante esse prazo as operadoras estão se ajustando e a pessoa que contratou o serviço terá acesso parcial a ele.

Se estiver cumprindo carência e precisar de internação, essa será disponibilizada somente em caráter de urgência e emergência sendo limitada a 12 horas.

Se já estiver liberado acesso a todas as coberturas do plano de saúde para internação será possível usufruir dele por completo, nesse caso não há limite de dias para internação e nem quantidade de internações. Sempre que precisar o paciente poderá ficar internado e receber os cuidados necessários.

Quais os procedimentos estão inclusos no plano para internação?

Ao utilizar o plano de saúde para internação a pessoa terá acesso a cuidados completos com a sua saúde e um amplo rol de procedimentos. 

Será possível utilizar a rede credenciada ou própria para receber tratamento e a internação pode ser feita em ambiente comum ou UTI de acordo com a gravidade do quadro.

Nesse período será possível ter acesso a consultas e exames realizados no ambiente hospitalar, acesso aos materiais hospitalares necessários ao tratamento, anestesias, utilização de salas de operação e leito para recuperação pós cirúrgica.

Em relação às cirurgias são muitas as disponíveis e no caso de parto ele só estará disponível se o serviço contratado contemplar obstetrícia.

É possível também contar com outros procedimentos inclusos no plano de saúde para internação que são necessários no tratamento de algumas doenças como quimioterapia, radioterapia, transfusão de sangue, radioterapia, hemodiálise entre outros.

Vale ressaltar que os procedimentos cobertos contemplam os contidos no rol da ANS, entretanto, as operadoras podem oferecer alguns adicionais conforme critérios pré-estabelecidos em contrato.

Nesse caso é necessário verificar junto a sua operadora o que o seu plano pode agregar e como funciona a utilização.

O plano de saúde para internação é ideal para quem busca um atendimento em situações mais graves e quer recebe cuidados completos em uma rede particular sem precisar pagar muito por isso. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *