Plano de saúde para parto: como funciona e quais as opções

Plano de saúde para parto: como funciona e quais as opções

Sua família vai aumentar e você ainda não sabe muito bem como funciona plano de saúde para parto? Então acompanhe este artigo, entenda melhor o assunto e veja como funciona e quais as opções para este tipo de serviço.

O período de gestação é de extrema importância na vida de uma mulher, afinal, uma vida está se desenvolvendo dentro dela e, justamente por esse motivo, é preciso que ela tenha uma maior atenção com a sua saúde.

Para que a saúde da gestante e do bebê sejam garantidas, o caminho mais indicado é contar com um plano de saúde para parto e todo o acompanhamento da gestação. No entanto, esse é um assunto que ainda causa muitas dúvidas.

Este artigo, foi criado para ajudar com essas questões, explicando melhor como funciona e quais as opções de plano de saúde para parto. Acompanhe e entenda melhor o assunto.

Como funciona o plano de saúde para parto?

Se você está em busca de um plano de saúde para parto, é importante que saiba que não existem coberturas exclusivas para o parto. Na verdade, a maioria das operadoras oferece uma cobertura chamada obstétrica que, além de garantir assistência ao parto, ainda oferecem outros serviços como:

  • Acompanhamento pré-natal com exames e consultas;
  • Acompanhamento médico durante o puerpério;
  • Exames como ultrassonografia, de sangue, urina e muitos outros, tanto para a mãe como para o bebê.

Por isso, se você deseja contar com um plano de saúde para parto, o indicado é que contrate uma cobertura obstétrica, de preferência até mesmo antes de engravidar.

Isso lhe garantirá um pré-natal com todo acompanhamento necessário e a certeza da assistência ao parto quando ele acontecer. Afinal, segundo a ANS – Agência nacional de Saúde Suplementar, o período de carência para partos é de 300 dias, ou seja, 10 meses.

Como escolher um plano de saúde para parto?

A primeira coisa que você precisa para escolher um plano de saúde para parto é considerar quais são os serviços mais importantes para você. Afinal, apesar de a maioria das coberturas obstétricas serem muito parecidas, a oferta de serviços pode variar de uma operadora para outra.

Para você ter uma ideia, trouxemos alguns exemplos de coberturas obstétricas e serviços oferecidos:

Amil

Além de todos os serviços já mencionados como consultas, realização de exames e acompanhamento pré-natal, assistência ao parto e ao puerpério, a Amil oferece um serviço chamado Parto Adequado, que permite a gestante ter acesso a condições mais humanizadas de parto, com direito a plano de parto, partograma e mais.

Unimed

A operadora Unimed oferece um completo plano obstétrico com direito a procedimentos relacionados ao pré-natal que vão desde análises clínicas e exames  que vão desde os mais simples até os mais complexos. Além disso, a operadora conta com uma vasta rede credenciada de hospitais, maternidades e clínicas ambulatoriais.

Bradesco Saúde

Assim como a maioria dos planos para gestantes, a Bradesco Saúde também oferece uma cobertura obstétrica com direito a todos os procedimentos relacionados ao pré-natal e ao parto. Como diferencial ela ainda garante assistência médica ao bebê com as mesmas carências que a mãe, contanto que ele seja incluído ao plano no período de um mês após o seu nascimento.

SulAmérica

A SulAmérica, assim como a Amil, também conta com o programa Parto Adequado, oferecido através do projeto Saúde Ativa. Com direito a partos humanizados, plano de parto e muito mais.

Agora que você conhece melhor o funcionamento do plano de saúde para parto e as opções de serviços que podem variar entre eles, será bem mais simples escolher o mais adequado para você. Se ainda tiver dúvidas sobre o assunto, procure um corretor especializado.

One thought on “Plano de saúde para parto: como funciona e quais as opções

  1. Pingback: Plano de saúde para policiais militares do Rio de Janeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *